6 Melhores hospedagens de sites
6 Melhores hospedagens de sites
14 de julho de 2022
Como monetizar seu tráfego para tirar o máximo disso
Como monetizar seu tráfego para tirar o máximo disso
21 de julho de 2022

6 vantagens de utilizar o remarketing para aumentar as vendas

6 vantagens de utilizar o remarketing para aumentar as vendas

Na modernização dos processos das campanhas de vendas, existe uma tendência cada vez maior pela automatização dos processos.

E, tendo em vista a necessidade da repetição, este cenário é extremamente favorável à estratégia de Remarketing.

Isso acontece porque, uma vez que um visitante bate em uma página destinada ao efetuamento da compra final e termina não comprando, o primeiro pensamento, e o mais instintivo de todos eles, é acreditar que simplesmente não era para ser.

Mas nem sempre uma resposta negativa possui um caráter definitivo. E no mundo digital, devido ao seu caráter dinâmico e dispersivo, existe uma enorme variedade de razões para um visitante sair da página de vendas sem comprar. O último deles é a desistência total.

Seja vendendo uma bancada de cozinha em granito ou mesas para computador, uma loja que não dispõe de uma segunda chance para os clientes “atrasados” no seu sistema de marketing está, provavelmente, perdendo dinheiro.

Além do mais, não é apenas o dinheiro que se perde, mas a chance de fidelizar um grande número de clientes através da atenção afetuosa aos passos de cada um na régua de relacionamento comercial.

A verdade é que uma estratégia de remarketing é necessária até mesmo se uma empresa presta simples serviços de lavagem de sofá a domicilio. Por isso, este será o foco principal do artigo.

O conceito da tática, bem como seu modo de funcionamento e aplicação prática, serão aprofundados como temas a serem ensinados para aqueles que desejam obter os frutos deste tipo de abordagem.

Por fim, será de grande serventia concluir com uma lista de seis grandes vantagens por trás do uso do remarketing nas vendas, mostrando que o seu potencial de atuação é verdadeiramente como um totem Mdf personalizado em versão digital.

Definição de Remarketing

6 vantagens de utilizar o remarketing para aumentar as vendasÉ possível afirmar que o remarketing consiste justamente em fazer marketing novamente para a mesma pessoa que já o recebeu antes. Dessa forma, o intuito é causar impacto mais de uma vez sobre uma pessoa que já se interessou pelo produto.

Em exemplos práticos, essa tática é implementada através das campanhas de e-mail responsáveis por alertar constantemente os clientes da sua base, os instigando em uma nova chance de tomarem alguma ação.

O remarketing pode ser utilizado em diversas situações, desde uma mensagem para relembrar sobre os produtos que foram colocados no carrinho de compra, porém esquecidos no meio da jornada, até um alerta de descontos ou promoção no site da loja.

Em linhas gerais, o conceito diz respeito à realização de uma ação de marketing depois dela já ter sido feita pela primeira vez em um consumidor.

O objetivo, neste caso, é arriscar mais uma tentativa de estímulo psicológico publicitário em alguém que já foi instigado em um primeiro anúncio, ao que se supõe de um funil de comunicação bem estruturado, onde tudo ocorre em uma ordem lógica.

De maneira particular, tal estratégia de marketing possui uma eficácia singular nas mídias digitais, uma vez que as coisas podem ser automatizadas previamente.

Tal como em um adesivo automotivo esportivo, o nome de uma empresa vai ficar fixada na tela do consumidor que estiver registrado no banco de dados.

A principal meta do Remarketing é realizar a conversão final. Isso porque nem sempre o internauta opta por comprar aquele produto ou serviço na primeira oportunidade que o encontra.

Dessa forma, levar a informação de que aquilo que o usuário deseja ainda está disponível para ser adquirido, pode proporcionar um maior interesse e, por consequência, se converter em uma venda propriamente dita.

É possível afirmar, inclusive, que isto é realizado em larga escala a partir das campanhas automáticas das ferramentas de e-mail marketing.

É quando alguém adiciona algo no carrinho de um comércio eletrônico, por exemplo, sai da página e, momentos depois, recebe uma mensagem no e-mail com o intuito de relembrar a existência do produto.

Conforme apontam os dados avaliados pela ferramenta Google Ads, nos casos dos e-commerces, cerca de 97% dos visitantes dos sites não concluem uma compra na primeira visita.

Isso é bastante coisa, levando em conta que, o que move o marketing digital nos tempos de hoje são os comércios eletrônicos. Desde móveis modulados escritório até camisetas personalizadas, o público geralmente não gasta o seu dinheiro tão facilmente.

Em geral, essa tática é implementada através das campanhas de e-mail, que são responsáveis pela reativação dos clientes da base de dados, incentivando-os a voltarem para finalizar a compra.

Funcionamento na prática

Para inserir uma tática de remarketing em andamento no mercado digital é necessário, antes de qualquer outra coisa, que se construa um planejamento prévio para que seja possível simplificar o mapeamento de todos os visitantes cadastrados ou leads.

Cada lead deve ser mapeado de acordo com o ponto específico em que se encontra, diante dos diversos estágios do processo de compra.

Essas etapas, que são a conscientização da necessidade, a consideração a respeito da solução apresentada pela empresa finalizada com a venda ou mesmo a fidelização do cliente, devem ser ponderadas individualmente.

Apenas através da classificação desses momentos individuais de cada tipo de cliente, se torna possível encaminhar um anúncio criativo, e-mail ou qualquer uma das ferramentas de remarketing.

Quem quer realizar uma construção de piscina alvenaria e pesquisa sobre o tema pela primeira vez, possui um nível de conhecimento muito menor sobre essa entrega do que quem já buscou bastante a respeito. Não se pode usar os mesmos anúncios sempre.

Dito isso e definindo estas distinções como premissa inicial, é possível partir para a explicação do funcionamento propriamente dito.

Por exemplo, ao procurar por uma película automotiva transparente em uma ferramenta de busca, e encontrar exatamente aquilo que queria, é possível clicar na sugestão desejada e observar uma tática sutil do uso de remarketing.

Ao ser encaminhado para o site de uma loja que aparece como resultado da pesquisa, um tipo de carimbo, que é conhecido popularmente como cookie, provavelmente será ativado e logo armazenará essa informação nos registros.

Dessa forma, a plataforma de pesquisa vai identificar um interesse por aquelas entregas, e logo exibirá mais anúncios sobre este assunto em outros momentos da navegação pelo ambiente virtual.

Desta forma, o remarketing pode ser feito por meio da lista de e-mails do usuário, isto é, do mailing que ele já possuirá cadastrado, assim como também pode ser feito também através de pixels.

Remarketing por e-mail

6 vantagens de utilizar o remarketing para aumentar as vendasÉ possível upar uma lista de e-mails que já seja usada pela empresa para fazer ações de remarketing para a central de leads do Customer Relationship Management (CRM), ou Gestão de Relacionamento com o Cliente, e e-mails de abandono de carrinho.

Por isso, é importante que haja uma técnica de segmentação de e-mail marketing, possibilitando que os conteúdos corretos cheguem aos respectivos destinatários e no momento adequado.

É possível, inclusive, agregar este mailing às mídias sociais. Em plataformas como o Facebook, por exemplo, essa lista de contato fará uma interação com a rede e, no momento em que o usuário acessar o feed, esse anúncio irá aparecer em formato de banner.

Remarketing por pixel

A maior característica do pixel para remarketing é a alternativa de automação do processo, uma vez que ele é capaz de definir um público tendo como base os visitantes que chegaram ao site em alguma parte da etapa.

Para que isso funcione, basta baixar na página da empresa o pixel fornecido pelas plataformas de anúncio, como o Facebook e o Google Ads.

Outra alternativa possível, nesta mesma proposta, é dispor de respostas automatizadas e disparo de e-mails aos clientes, evitando que a equipe de marketing e de vendas precise fazer trabalhos repetitivos e possa focar em outras atividades

Vantagens práticas do uso de remarketing

Por fim, um dos pontos mais relevantes na abordagem do tema do remarketing neste artigo é apontar seis das maiores vantagens em usar a estratégia. São elas:

  1. Alcançar novos públicos;
  2. Aumentar as conversões em clientes;
  3. Otimizar a frequência da exibição de anúncios;
  4. Melhoria na segmentação;
  5. Aumento na autoridade da marca;
  6. Reconquista daqueles que abandonaram o carrinho.

Boa parte desses benefícios foram contextualizados anteriormente. Mas, de maneira especial, é válido destacar que a segmentação, que nada mais é do que separar os diferentes tipos de cliente e dialogar com cada um deles, é o que dá dinamismo ao negócio.

Seja em busca de um aparelho de som ou de uma divisória de vidro com persiana embutida, os diferentes públicos precisam ser abraçados e, em especial, resgatados depois das recorrentes evasões da página de venda, através do remarketing.

Considerações finais

O marketing digital é o novo ativo de vendas dos diferentes comércios do mundo inteiro. Através dele, todo tipo de negócio pode ser renovado.

A partir da compreensão do conceito, seu funcionamento e vantagens da estratégia de remarketing, se torna possível abraçar as grandes oportunidades existentes nas estatísticas dos que não compraram um produto na primeira vez e convencê-los a comprar na segunda.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 6 =