10 itens obrigatórios de SEO para seu site
10 itens obrigatórios de SEO para seu site
17 de junho de 2022
3 jeitos rápidos e práticos de construir uma Lista Opt-in Rentável
3 jeitos rápidos e práticos de construir uma Lista Opt-in Rentável
23 de junho de 2022

6 vantagens de utilizar o big data

6 vantagens de utilizar o big data

O big data é um recurso que permite à internet conhecer mais sobre seus usuários do que eles mesmos.

Às vezes, estamos conversando com alguém sobre algum assunto e quando entramos na internet, lá está um anúncio.

O usuário nem mesmo precisa pesquisar para encontrar o que precisa, pois só de comentar sobre algum tema, é como se a internet ouvisse o que falamos e logo encontrasse uma maneira de interagir.

Isso é possível graças ao big data, uma tecnologia inteligente e que permite às empresas segmentar seus anúncios de maneira extremamente precisa. É graças a ele que as plataformas de streaming sugerem filmes que podem te interessar.

Tudo o que o usuário faz no ambiente digital deixa rastros, até mesmo o que fazemos fora dele, como conversar com alguém próximo a um aparelho, também é uma forma de entregar o que queremos para plataformas como o Google.

Esses rastros geram dados que ajudam a internet a entender nosso comportamento, e quem se beneficia com tudo isso são as empresas.

Neste artigo, vamos explicar o conceito por trás de big data e mostrar algumas vantagens de utilizá-lo por parte das organizações. Acompanhe!

O conceito de big data

Big data nada mais é do que um processo que trabalha o fluxo de informações geradas pelas pessoas nos ambientes online e offline. É um recurso que identifica e interpreta informações para favorecer diferentes estratégias.

É como se fosse um banco de dados gigante e praticamente ilimitado. Seu volume de informações cresce exponencialmente e deve ser utilizado para análises.

Quando lemos ou falamos sobre dados, parece que o assunto é algo muito abrangente, e realmente é, pois quando se trata de big data, nos referimos a todas as fontes de informações que existem no mundo todo.

Uma empresa de monitoramento de frota consegue reunir e administrar com muito mais facilidade e rapidez diversas informações, e o uso de big data depende de soluções buscadas pelos usuários no momento.

Como quando uma plataforma vai até o banco de dados para filtrar informações que precisa em determinado momento, para alcançar um objetivo.

Esse processo surgiu, originalmente, na década de 1990, mas só se popularizou depois que a internet passou a fazer parte do nosso dia a dia, mais ainda, depois dos smartphones e das redes sociais.

As redes sociais aumentaram muito o volume de dados na web e os métodos tradicionais de análise já não conseguiam mais interpretar e catalogar todas as informações.

É justamente aqui que surge o big data, que não cuida apenas dos dados em si, mas também se refere ao seu uso e acumula muitas informações atuais.

As tecnologias usadas nesta ferramenta utilizam diferentes tipos de dados provenientes de fontes variadas, para que possam fornecer insights importantes, que melhoram continuamente a organização do sistema.

6 vantagens de utilizar o big data

Como os dados são estruturados?

Uma empresa de sistema de alarme residencial com câmera pode usar o big data para armazenar imagens capturadas pelo circuito.

Só que isso colabora com o aumento do volume de dados, que devem ser categorizados de três maneiras.

Uma delas são os dados estruturados, onde as informações ficam armazenadas em um formato fixo ou em um banco de dados.

São formatadas para que possam ser facilmente acessadas e usadas para análises futuras. Entre os dados estruturados estão as informações de GPS, cliques dos usuários em um site, dentre outras possibilidades.

Outra categoria são os dados não estruturados, que fazem referência a informações não armazenadas em qualquer banco de dados ou tipo de estrutura.

Em outras palavras, são informações soltas e geradas em um tipo de mídia, sendo as mais comuns:

  • E-mail;
  • MP3;
  • Vídeos;
  • Imagens.

Por conta disso, esses dados são em maior volume, principalmente se comparados às demais categorias.

Por fim, uma empresa de portaria virtual pode trabalhar com os dados semi estruturados, que são uma mistura dos outros dois.

Não são organizados em bancos de dados específicos e possuem informações associadas que os transformam em informações plenamente acessíveis.

É uma categorização que se refere à parte técnica do conceito e os usuários precisam compreender que existe, embora não precise ser colocada em prática, tendo em vista que o big data reúne todas as ferramentas necessárias para isso.

Vantagens do recurso

Utilizar o big data traz muitas vantagens para as empresas, principalmente para as estratégias de marketing. Entre seus maiores benefícios estão:

Boa precificação das soluções

Para que o negócio seja competitivo, precisa saber precificar seus produtos e serviços. Hoje em dia, é muito importante basear essa tarefa nas informações provenientes do mercado, não apenas em achismos ou calculando os custos e o lucro.

Um centro de distribuição pode usar esse recurso para analisar profundamente o mercado e com isso precificar o seu serviço de maneira mais eficiente.

Com base no uso de ferramentas adequadas, a companhia reúne todas as informações necessárias para se ajustar aos movimentos e tendências atuais e saber se seus preços são compatíveis com o mercado.

Ajuda a analisar aspectos importantes

6 vantagens de utilizar o big dataUma das maiores dificuldades das empresas é saber qual é o nível de satisfação do cliente em relação aos seus produtos e serviços, mas também em relação ao atendimento, opções de pagamento, dentre outros pormenores.

Sem falar no fato de que existe um bloqueio para conseguir engajar as pessoas e fazê-las responder às pesquisas de satisfação.

Para conseguir esse feito, uma das melhores coisas é elaborar uma estratégia que consiga analisar diferentes fontes, e com isso interpretar melhor a linguagem humana durante as interações em vários canais, como redes sociais e sites.

Com isso, a corporação obtém dados precisos sobre o nível de satisfação de seus clientes, sem que para isso seja necessário perguntar alguma coisa diretamente sobre o assunto.

Uma boa consultoria em TI pode ajudar a implementar esse recurso, que vai integrar os dados de pesquisas e outras informações trazidas pelo marketing e vendas.

Conhecer melhor o perfil de consumo

Como você já sabe, o big data é uma ferramenta utilizada para analisar dados e que possui características muito versáteis.

Isso porque ele pode encontrar padrões entre as informações fornecidas, e com isso responder perguntas estratégicas, mantendo o negócio no topo do ranking do mercado.

Para conseguir isso, uma das coisas mais importantes a ser feita é compreender o perfil de consumo dos clientes.

Em linhas gerais, a companhia precisa saber o que eles compram, o horário em que costumam comprar, a frequência com que isso acontece, qual é o ticket médio, meios de pagamento usados, entre outras informações.

Assim, uma empresa de portão automático deve se lembrar de que existem vários segmentos de perfil dentro do mesmo público, assim sendo, precisa investigar mudanças de comportamento, considerando critérios como idade, renda e profissão.

Por meio do big data, a companhia pode fazer esse tipo de segmentação com apenas alguns cliques e por meio de ferramentas avançadas.

Melhora as estratégias de marketing

O mercado está cada vez mais competitivo, por conta disso, é fundamental que os negócios saibam alinhar suas ações, com base nas estratégias empresariais, evitando objetivos genéricos ou métricas de vaidade.

O foco nos pontos certos vai ajudar o seu negócio a se diferenciar dos concorrentes e uma das ferramentas que entram nesse processo é Business Intelligence (BI).

Por meio dele, a companhia consegue coletar informações que vão ajudar a elaborar boas estratégias de marketing e melhorar até mesmo a produção, garantindo a total satisfação dos clientes.

Analisar o volume de vendas

Uma empresa que projeta sistema de controlador de acesso precisa disponibilizar diferentes canais para que os consumidores possam comprar, por conta disso, fica um pouco mais complicado integrar os dados automaticamente sem o big data.

Mas com a ajuda desse recurso e da inteligência artificial, todo o processo é realizado em tempo real, tendo em vista que é uma boa ferramenta e consegue analisar uma grande quantidade de informações em pouco tempo.

Assim sendo, as métricas mais importantes para o negócio podem ser visualizadas de maneira instantânea e assim que a venda é realizada. Isso facilita o registro do processo no sistema e na contabilização, e a marca pode criar estratégias mais adequadas.

Considerações finais

Uma empresa de assistência notebook samsung pode utilizar o big data para várias finalidades, mas a melhor maneira de aproveitar todos os seus recursos e benefícios é contar com uma empresa especializada nesse tipo de solução.

De qualquer forma, além de todas as vantagens que mostramos aqui, esse recurso também melhora as tomadas de decisões e evita riscos e falhas estratégicas. Consequentemente, o negócio consegue crescer de maneira mais inteligente e sustentável.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 + 19 =