SEO: saiba como utilizar essa estratégia no seu site
SEO: saiba como utilizar essa estratégia no seu site
25 de maio de 2022
Saiba como estruturar um plano de marketing digital para a sua empresa
Saiba como estruturar um plano de marketing digital para a sua empresa
14 de junho de 2022

3 dicas para ter uma landing page de sucesso

3 dicas para ter uma landing page de sucesso

Hoje há muitas estratégias de marketing digital espalhadas pelo mundo dos negócios, mas ter uma landing page de sucesso é uma das dicas que se destacam.

De fato, o excesso de conselhos e de recursos é algo que pode acabar paralisando algumas pessoas. São tantas opções que algumas empresas e marcas novas talvez não saibam bem por onde começar.

Mesmo se falarmos apenas nas soluções online, abstraindo o marketing offline, verificaremos que são dezenas de plataformas existentes. Sem falar nas novidades que surgem quase diariamente, como a variação das primeiras.

Para entender isso, basta abrir um grande motor de busca e pesquisar por algo como polimento e espelhamento automotivo

Em poucos segundos, aparecem centenas ou mesmo milhares de opções pelo Brasil todo.

Na verdade, se você pesquisar logado, indicando sua localização, a prioridade dos resultados vai ser a de estabelecimentos que estão perto de você e que oferecem aquela solução procurada, seja um produto ou serviço.

Isso já é suficiente para mostrar como o marketing digital tem revolucionado a experiência de compra dos clientes. Ainda poderíamos falar dos websites institucionais, dos blogs, das grandes redes sociais, dos marketplaces, dos aplicativos mobile e daí em diante.

Por isso, é que as empresas precisam compreender melhor esse universo e investir naquilo que realmente pode diferenciá-la na multidão de opções online. Aí é que surge, também, a opção da landing page, que alguns confundem com hotsites.

Os hotsites, na verdade, também são páginas exclusivas de venda, mas com uma data de atuação prevista e demarcada, ou seja, são um recurso que desde seu desenvolvimento já surge com previsão de até quando ficarão no ar.

Como uma empresa de serviço de motoboy 24 horas que vai participar de uma feira durante três dias ou uma semana. 

E que utiliza o hotsite para fazer seus convidados, mas depois de cinco ou sete dias já não tem o que fazer com a página.

Já a landing page é uma página que pode ficar no ar por tempo indefinido, mas nem por isso pode ser confundida com um simples website. Na verdade, ela é tão enxuta quanto o hotsite, podendo chegar a ser até mais clean e assertiva do que ele.

O seu foco é realmente extrair tudo que possa ser dispersante em um conteúdo digital. 

Assim, é preciso tirar menus, banners, descrições muito longas e links em excesso, que poderiam encaminhar para outros conteúdos e fazer o visitante se perder.

Tanto que a marca só pode fazer realmente uma landing page eficiente se ela tiver muita clareza do seu planejamento de marketing. 

Afinal, trata-se de uma ação ou campanha que tem uma intenção muito específica no sentido de focar determinada conversão.

Dito de outro modo, a landing page é feita com uma estratégia muito objetiva, que partindo dessa clareza consegue tornar-se igualmente prática e direta. Hoje alguns confundem esse alvo com a venda, mas na verdade pode ser outro tipo de conversão.

Como uma empresa de sistema de ar condicionado dutado que decide captar mais leads, criando para isso um e-book especial que servirá como isca. É possível criar uma landing page de captura exclusivamente focada nisso.

Sendo dessa maneira, nada foi vendido, nem ninguém passou o cartão de crédito, e ainda assim é necessário mensurar os resultados em termos de conversão. 

3 dicas para ter uma landing page de sucesso

Isto é, verificando a quantidade de visitantes que a página teve em relação à quantidade de downloads.

Depois, basta subtrair dessa quantidade líquida de downloads o número exato de leads conseguidos. E pronto, você já conseguiu monitorar o sucesso que sua landing page teve, com base em números concretos e resultados práticos.

Tanto é assim que o CTA (Call-To-Action), que é o famoso Chamado para Ação, é algo fundamental em qualquer landing page, como algo que define ou determina a alma daquela estratégia em específico, de modo muito peculiar.

Também por isso decidimos escrever este texto, detalhando as 3 melhores dicas ou pilares para você ter uma landing page de sucesso dentro de suas estratégias de marketing digital, conseguindo realmente se destacar no meio da multidão online.

Um ponto bacana é que hoje essa estratégia evoluiu tanto, que já não faz diferença se sua empresa lida com produtos ou serviços, se ela vende veículos ou faz higienização de bancos de carros, em todo caso a landing page poderá ajudá-la.

No fundo, só o que precisamos é que haja vontade de crescer e foco em desenvolver uma ação específica com clareza. 

Desta forma, se esse é o objetivo do leitor, seja como empresário ou gestor de negócios, então basta seguir adiante.

O que é e sua importância?

Até aqui já ficou claro que a landing page, termo em inglês para “página de aterrissagem” nada mais é do que um recurso digital centrado em uma ação específica.

Essa ação pode ser a captação de leads, a venda de um produto, a oferta de um serviço, o convite para um evento específico ou algo similar, sem nenhum problema.

3 dicas para ter uma landing page de sucessoAlém disso, sua estruturação é um elemento essencial que ajuda a defini-la. De modo que a landing page pode ser facilmente identificada, sobretudo quando comparamos com uma página normal de um website ou blog.

Afinal, a landing page é bem mais enxuta e é focada em uma ação, ao passo que outras páginas podem contar com menus, banners, muitos links e afins. 

Além disso, vimos que uma firma de projeto comercial e residencial pode lançar mão de recursos parecidos com as landing pages, mas que no fundo não se confundem com ela, como os hotsites, com a diferença de que eles têm “data de validade”.

Desta forma, os traços principais de uma boa landing page costumam ser os seguintes:

  • Título (H1) e subtítulos (H2, H3);
  • Imagens e fotos;
  • Descrição da oferta;
  • Formulário de preenchimento;
  • Botão de CTA;
  • Gatilho de prova social;
  • Senso de urgência.

Enfim, é toda uma estruturação focada no famoso lema de que less is more, ou seja, de que menos é mais, no sentido de que a precisão é que vai garantir a assertividade.

Tanto que uma das maiores importâncias da landing page está não apenas no fato de que hoje ela ainda é um diferencial que pode destacar sua marca, mas no fato de que ela impacta diretamente as novas gerações, que gostam do enxuto e do clean.

Outro fato que a torna muito importante é sua importância dentro de uma estratégia de marketing digital, como uma campanha completa. 

Ela vai envolver outras ações, sem dúvida, mas a landing page vai acabar sendo o coração de tudo.

1- Tenha planejamento

Um traço fundamental de uma landing page de sucesso é que ela nasce de todo um planejamento de marketing, e não apenas de uma vontade solta.

Sendo assim, ela desponta como parte de uma consciência maior a respeito da marca e de seus objetivos de curto, médio e longo prazo. 

Por isso, é que ela pode focar tanto na venda de algo quanto em um evento ou no banco de leads.

Uma dica de ouro, portanto, é uma empresa de refrigeração fazer diversas reuniões antes de determinar qual será a missão da landing page.

O brainstorming pode ser um recurso válido aqui, como algo que vai ajudar todos os colaboradores e líderes a trocarem algumas ideias e dicas valiosas.

2- Pense no texto

Toda marca forte tem uma visão muito clara da sua identidade verbal, que no fundo é quem define sua filosofia de trabalho, bem como os pilares de missão, visão e valores.

Assim, a landing page precisa ter uma clareza igual, sabendo que mesmo que ela conte com recursos de multimídia, o texto é quem vai converter o visitante.

Por isso, um negócio de construção piscina concreto pode lançar mão de um copywriter ou de um redator digital, para que ele traduza aquela missão em palavras.

Também é essa frente que torna os CTAs mais assertivos, e até mesmo os gatilhos mentais vão funcionar melhor com esse reforço textual estratégico.

3- Promova uma experiência

Por fim, a landing page só pode ficar completa se além de seu objetivo e de sua comunicação, também seu aspecto visual estiver alinhado.

Aqui é que entra a identidade visual, que lida com paleta de cores, tipografia, tamanhos, formatos, espaços vazios e tantos outros elementos.

Se a firma lida com manutenção jardim, há até mesmo templates prontos que já combinam com isso. Mas, ainda assim vai ser preciso dar um toque especial e fazer algo customizado.

Além disso, é preciso pensar na experiência como um todo, ajustando, por exemplo, o tempo de carregamento da página, sua responsividade, que é a compatibilidade com dispositivos móveis como celulares e tablets e daí em diante.

Considerações finais

Portanto, ao contextualizar o que é uma landing page, entendemos melhor sua importância e por que motivo ela se tornou um fator tão diferenciado atualmente.

Além disso, acima também foi detalhado as três melhores dicas da área, que servem como verdadeiros pilares para quem quer desenvolver sua própria landing page de sucesso.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três + 9 =