Marketing Viral - Não usá-lo pode matar seu negócio!
Marketing Viral – Não usá-lo pode matar seu negócio!
11 de agosto de 2022
Agências de Anúncios de preço Acessível
Agências de Anúncios de preço Acessível
18 de agosto de 2022

Gestão de tráfego: saiba como fazer!

Gestão de tráfego: saiba como fazer!

A publicidade foi renovada para sempre com o surgimento das mídias digitais e dos novos canais de comunicação.

Com o advento da internet, técnicas como a gestão de tráfego tratam-se de conhecimentos indispensáveis para alcançar grandes lucros hoje.

Somente por meio do marketing é que uma companhia consegue comunicar com precisão, agilidade e mensagens curtas, os benefícios do seu produto ou serviço, e como eles são superiores aos demais apresentados no mercado.

Nos tempos atuais, todas as pessoas que investem na internet estão dependentes dos algoritmos para serem vistos nas redes. Nem mesmo os serviços de recepcionista podem ser oferecidos na web sem se atentar a essas necessidades.

É através do gerenciamento dos anúncios pagos, nos buscadores e nas demais plataformas digitais, que um negócio consegue ser impulsionado com a potência necessária para adquirir um nível mínimo de relevância.

Neste artigo, o conceito dessa forma de gestão digital será exposto, de maneira a mostrar como tudo o que é visto aqui dentro da internet, até mesmo um lembrete para fazer renovações de CNH é, de uma forma ou de outra, vinculado aos anúncios de vendas.

Depois, alguns dentre os principais benefícios da gestão de tráfego também serão listados, em vista de provar o quanto esta prática é vantajosa para as campanhas de vendas de uma empresa, independente do segmento da sua atuação na internet.

Por fim, será ensinado como realizar esta técnica na atuação prática das empresas. Vendendo rastreamento veicular ou mesmo sendo um corretor de imóveis, serão dadas dicas gerais para todo e qualquer negócio.

Em que consiste a gestão de tráfego?

À primeira vista, é possível imaginar que a expressão gestão de tráfego consiste apenas em um conceito técnico que indica o gerenciamento dos visitantes que aparecem nos canais de comunicação e nas mídias digitais. Entretanto, esta técnica vai muito mais além.

Gerir, neste sentido, significa também trazer visitas de diferentes fontes, alinhar a segmentação dos públicos para ter um nível de audiência maior, que esteja realmente interessada nas entregas da empresa e, dessa forma, se relacionar com essas pessoas.

Para fazer todo esse trabalho, é primordial compreender os distintos tipos de tráfego que existem, os seus detalhes característicos do seu método, as suas vantagens, bem como também as desvantagens.

Existem vários tipos de tráfego que o gestor pode se valer para garantir um bom fluxo de acessos ao seu site, ou mesmo às páginas de captação leads, que são os visitantes que deixam os seus dados nela, bem como também à loja virtual.

Não se vende nem mesmo uma persianas sob medida na internet sem fazer uso de uma página de vendas. Porém, antes mesmo de chegar nessa plataforma, é necessário que os visitantes menos engajados deixem primeiro o seu contato para receber mais conteúdos.

Também conhecidas como fontes de tráfego, elas apontam os caminhos por onde as pessoas que visitam a empresa chegam até ela na web.

O domínio desses dados é estratégico, podendo trazer impacto às decisões que o empreendedor delibera em tomar, quando relacionadas à quantidade e à localidade do investimento em favor do próprio negócio.

Falando mais propriamente do significado e das diferenças, os principais tipos de tráfego são dois, e são esses os que mais interessam para aqueles que estão conhecendo o assunto pela primeira vez.

Vendendo em um comércio eletrônico ou fazendo manutenção de geradores, os visitantes chegarão à empresa por meio do que é popularmente conhecido como tráfego orgânico, ou do tráfego pago.

Gestão de tráfego: saiba como fazer!

Tráfego orgânico

Dentro dos conceitos do marketing digital, a chamada gestão de tráfego orgânico consiste naquele em que os visitantes chegam até a empresa sem que seja preciso investir dinheiro em anúncios patrocinados, seja no próprio Google, ou nas mídias como o Facebook.

Ele ocorre quando o público encontra a empresa através dos mecanismos de busca, como o Yahoo, o Bing ou o próprio Chrome, fazendo uso de termos conhecidos como palavras-chave, atrelados à área do mercado ou ao problema que a empresa resolve.

Isto significa que, se a pessoa pesquisa no navegador, digitando uma questão ou problema específico que deseja solucionar e seleciona os resultados mais relevantes para ela, isto os especialistas em informática chamam de tráfego orgânico.

Por esta razão, aqueles que desejam gerar tráfego orgânico precisam produzir conteúdos inovadores, com grande grau de relevância e feitos com certa frequência.

Além do mais, também é preciso otimizar essas peças de conteúdo usando táticas de SEO que, também conhecido como Otimização dos Mecanismos de Busca, em língua portuguesa, consiste em uma tática de inserção de palavras-chave estratégicas nos sites.

Isto é feito com o intuito de aumentar as possibilidades desses artigos aparecerem nas posições de destaque dos resultados das buscas do Google, de forma inteiramente orgânica.

Em contraponto à posição de certas pessoas que abordam o tema, o tráfego orgânico não consiste em uma alternativa gratuita.

Para que essa tática alcance leads qualificados, o conteúdo deverá possuir alta qualidade e ser bastante atrativo.

Essa luta pelo destaque também deve sempre abranger critérios como design, escrita persuasiva, desenvolvimento das plataformas, hospedagens de alta performance, além de alguns outros fatores técnicos que pedem a contratação de profissionais especializados.

Além do mais, a gestão feita para o tráfego orgânico também demanda um grande investimento de tempo e uma disposição de empenho bastante significativa dos envolvidos, uma vez que os resultados geralmente aparecem em médio e longo prazo.

Porém, é possível trazer, desta forma, um público muito bem segmentado, já interessado no potencial de entregas da empresa e, por isto mesmo, bastante desejado, inclusive, pelos próprios concorrentes.

Até mesmo oferecendo transportes residenciais na internet, é possível perceber que a segmentação do fluxo de pessoas realmente interessadas no serviço, na forma e na localidade onde ele é oferecido faz muita diferença no fim das contas.

Aí está evidenciada a importância de construir táticas de gestão de tráfego muito bem voltadas a esse público em questão.

Tráfego pago

O tráfego pago, como é sugerido pelo próprio nome, também necessita de investimento financeiro para que funcione adequadamente.

Em algumas áreas menos competitivas, é possível fazer menos investimento, ao passo que em outros nichos mais disputados se faz necessário apostar de forma agressiva, ou mesmo restringir o público que for segmentado, no caso de haver um orçamento pequeno.

Porém, é importante dizer que este modelo de tráfego compensa muito, sobretudo porque ele traz resultados muito mais rápidos.

Quais são os benefícios?

Gestão de tráfego: saiba como fazer!Uma gestão de tráfego bem feita otimiza a segmentação dos públicos que estão sendo engajados para as plataformas de publicidade, direcionando o foco às pessoas mais interessadas no produto ou serviço da companhia.

Não se vendem toldos em lona sem propaganda, da mesma forma como não se vende frutas e verduras na feira sem anunciar o produto em alta voz. Mas, para todo bom comerciante, o conhecimento de quem verdadeiramente se interessa é fundamental.

Os recursos à disposição nas ferramentas de tráfego pago permitem segmentar através das palavras-chave, das informações demográficas, tais como gênero e faixa etária, entre outros, da ocupação profissional do indivíduo, e de vários outros interesses registrados.

Dessa forma, a gestão de tráfego bem feita pode proporcionar, entre muitas outras vantagens, bons resultados como:

  • Aumento crescente nas vendas;
  • Qualificação das visitas ao negócio;
  • Maior visibilidade;
  • Potência na construção de autoridade.

Através da boa prática da abordagem, é possível construir um império no mundo digital, fazendo praticamente tudo o que sempre foi alcançado no mundo físico, e muitas outras coisas a mais.

Como fazer na prática?

Por fim, e para que se torne o mais proveitoso possível esta abordagem do assunto, é possível citar algumas orientações importantes para quem deseja implementar com êxito a gestão de tráfego na prática de um negócio.

São seis os requisitos fundamentais para ter sucesso no gerenciamento das peças de anuncio online de uma empresa, são eles:

  1. Contratar um gestor de tráfego;
  2. Investir em agências de marketing;
  3. Se manter atento aos dados;
  4. Analisar as métricas;
  5. Organizar um planejamento;
  6. Conhecer o próprio público.

Através da união dos técnicos competentes, dos serviços essenciais e das ferramentas necessárias para a gestão, é possível dar início a um projeto de posicionamento digital, e colocar o primeiro pacote de anúncios para rodar na web.

Considerações finais

Mesmo para quem trabalha em lojas de sapato ou presta serviços fazendo revestimentos em Acm, não é nenhuma novidade a importância do marketing e, sobretudo, de fazer bons anúncios na internet, fazendo uso das novas técnicas que têm surgido.

Por meio da prática da gestão de tráfego nas campanhas de vendas, toda e qualquer empresa pode explorar ao máximo o poder da internet para alavancar os seus negócios.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × dois =